O AMOR É CEGO, SURDO E RETARDADO

By Aline Silveira - Cupido Brega - 20:47:00

O amor é cego ou nos deixa cegos, e isso não é de todo ruim, pois pode nos ajudar a ver a beleza interior e ignorar gordurinhas, rugas ou qualquer outra característica que é considerada defeito pela maioria.

Mas pode nos deixar sem ver defeitos reais, falhas de caráter que podem interferir diretamente na sua vida e lhe prejudicar.

E não importa o quanto você é esclarecida minha amiga, você está sim sujeita a se deixar levar por uma pessoa que te faz mal e você nem percebe, ou sempre tem uma justificativa para os atos questionáveis. Às vezes é preciso um balde de água fria pra gente conseguir ver que tem mesmo coisa errada ali.

Quando eu digo a gente, me incluo mesmo, já vivi e mais de uma vez relações que me fizeram acreditar em coisas ou relevar atos que, olhando de fora, eram completamente questionáveis.

Eu vi uma de minhas melhores amigas, viver um casamento onde ela parecia presa em um encantamento que a mudou completamente. E como vocês podem imaginar, pra eu a considerar tanto, ela com certeza é alguém com quem sempre pude ter ótimas conversas, não se trata de alguém alienado da vida.

Mas eu a vi comprar as ideias do cara com quem ela havia casado, eu vi o quanto ele fazia todas as pessoas que tentavam alertá-la parecerem pessoas ruins, péssimas companhias. Tudo que podia fazer para criar um conflito ele fazia.

Eu vi minha amiga se transformar em outra pessoa durante esses anos, e achava que nunca ia ter a amizade dela de volta. Ela casou jovem, naquele período do início da vida adulta, sabe quando você percebe que o adulto que você se tornou é diferente dos seus amigos de infância?

Eu sabia claramente porque aquele cara, mesmo sendo uma pessoa tão difícil, conseguia manter minha amiga nessa bolha. Ela achava que nunca encontraria alguém que a amasse e fosse tão romântico quanto aquele cara. Um tipo fanático por política, religião e futebol, que a afastou da família e amigos, mas a amava tanto.

O que mais uma mulher poderia querer não é mesmo? Liberdade, pensar e poder expressar o que pensou com sua própria cabeça talvez?

Mas um dia algo incrível aconteceu, sim incrível (apesar da família dele, pra quem o dito cujo distorceu um pouco os fatos e como sempre se fez de vítima, considerarem essa uma quase catástrofe, eu chamo de incrível mesmo), o casamento acabou!

Eu tenho a teoria que foi um blefe, um joguinho pra a deixar preocupada em perdê-lo, mas como ela já estava meio cansada, não fez esforço pra o ter de volta.

E praticamente do dia para a noite, minha amiga voltou a ser quem era antes. Aliás, ela se tornou a adulta que eu achava que ela seria. Hoje ela tem outra pessoa. E como ter alguém que dá liberdade pra você ser quem você é, faz toda a diferença.

Não vou iludir você, dizer que é um mar de rosas, mas com certeza é algo bem mais saudável que antes.

Não tem receita de bolo para os relacionamentos e a gente nem sempre consegue ver as coisas como quem olha de fora. Mas se um amigo ou muitos amigos e principalmente que sejam pessoas que sempre foram de sua confiança, tentarem te alertar, dê um pouco mais de atenção. Quanto mais cedo você acordar, menos tempo você gasta desnecessariamente.

  • Share:

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

2 comentários

  1. Por isso que dizem que namorar/casar com um melhor amigo é bem melhor do que com uma pessoa que você conhece assim da vida, sabe? Já vi vários casais e aqueles que mais duram são aqueles que eram amigos antes e começaram a sentir uma coisa diferente um com o outro até que começaram a namorar e foram ser felizes juntos. Enfim, adorei o post!

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez seja por já se conhecerem bem, principalmente os defeito né?!

      Excluir