COISAS GUARDADAS

By Aline Silveira - 15:55:00

Estava eu fazendo uma limpeza em minhas coisas, quando me deparo com uma folha, onde a alguns anos, eu tentei expressar através de um ''tentativa de música'' o que eu sentia, o que eu vivia.

Sim, é algo relacionado a amor, mas não é só isso, era uma historinha confusa, querer alguém que queria um outro alguém, que não o queria ...


Crescemos ouvindo que a maior solidão é quando estamos só entre a multidão

Mas ninguém sabe o quanto isso é verdade enquanto não se sente assim

Sabe, eu sei como você se sente, se sente perdido, meio fora de lugar, você olha pra essa multidão e se sente como se o mundo inteiro tivesse seu lugar, só você que não


E por mais alegre e brincalhão que você seja

E por mais que seus amigos estejam se divertindo

Você se fecha por alguns momentos

Você sabe que não é certo, mas você sente pena de você


Você quer se divertir, mas ai aquela música toca, você se sente em um filme, quando o casal está cada um pra um lado


Toca aquela trilha sonora no fundo

Você tem que segurar para a lágrima não rolar, e todo mundo notar que você estragou mais uma vez sua noite


Simplesmente porque você não consegue se libertar

Só o que você não sabe é que tudo o que você sente eu também sinto, e que enquanto você sofre por ela, eu aqui, sofro por você e por mim.



VAMOS COMBINAR, essa música podia se chamar você, você, você ...

Achei legal mostrar aqui!

  • Share:

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários