AMOR PLATÔNICO

By Aline Silveira - 20:04:00

‘’O termo Amor platonicus foi pela primeira vez utilizado no século XV, pelo filósofo neoplatônico florentino Marsilio Ficino, como um sinônimo de amor socrático. Ambas as expressões significam um amor centrado na beleza do caráter e na inteligência de uma pessoa, em detrimento dos atributos físicos.’’

Eu não falo do amor ideal de Platão, o filósofo grego ... mas o conceito de amor platônico do popular mesmo, aquele em que uma pessoa idealiza um ser perfeito, numa pessoa em que ela pouco ou nada conhece, coleciona fotos, coisas relacionadas aos gostos pessoais como time, música, comidas e tudo mais do dito cujo, se duvidar até o papelzinho da bala que ele comeu e tocou no chão, a pessoa sem amor próprio se presta a guardar ...

Mas por mais estranho que isso pareça, é perfeitamente normal na adolescência, enquanto a pessoa vive certas inseguranças com a aparência e prefere idolatra um ser '' intocável '' do que arriscar a se aproximar e viver a realidade de ele não a aceitar ou não ser o cara tão perfeito que ela imaginava ou as duas opções e ainda ser um imbecil com ela e assim provar que toda aquela perfeição não existia.

‘’ Platão defendia que o Verdadeiro Amor nunca deveria ser concretizado, pois quando se ama tende-se a cultuar a pessoa amada com as virtudes do que é perfeito. Quando esse amor é concretizado, não raro aparecem os nativos defeitos de caráter da pessoa amada.’’

Note que eu pareço me referir ao ser amante como '' mulher '' e o amado como '' homem '' pois normalmente é assim que rola, mas há casos diferentes.

Eu noto, que com essa '' vulgarização '' do amor proferido por alguns famosos, ficou muito mais normal ver meninas que deviam estar estudando, lendo sobre maquiagem ou só paquerando um coleguinha da escola; fazendo ameaças pras '' namoradinhas '' de seus ídolos, fazendo de um bando de garotos bobocas que recém aprenderam a limpar a bunda sozinhos, os seus IDOLATRADOS, que elas AMAM, e vivem um caso de amor platônico em estagio avançado e perigoso.

Elas passam o dia todo no twitter e fans clube, só lendo e pensando e twittando e xingando e idolatrando, POR PESSOAS DE CARNE E OSSO QUE ACORDAM COM REMELA NO OLHO E FAZEM COCO, assim como elas ...

Não tem algo errado ai??

É ÓTIMO ter um ídolo, mas de preferência que seja alguém com algo pra admirar ...

Também é bom você mostrar que curte e apóia ele, e a internet ajuda muuuito nisso, mas não da pra fazer disso a sua vida criança!!

E se tem algum pai ai, abram os olhos, comprem sim os cadernos do Luan Santana pra sua filha. São bem toscos, mas isso não é o problema. Mas estranhe se seus filhos preferirem ficar em casa na hora da twitcan de alguma banda em vez acompanhar o (a) melhor amigo (a) em algum lugar que antes ele adorava ...

Era isso. Essa foi minha humilde opinião sobre esse assunto que parece tão simples, mas as vezes rende uma grana no bolso dos psicólogos ...


  • Share:

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

1 comentários

  1. Gostei hein
    é mais ou menos assim q eu penso
    uahsuahsua
    bj
    continue assim
    já começou bem kk

    ResponderExcluir